Bancários doam 3,4 mil cestas para famílias em vulnerabilidade social

Campanha do Sindicato dos Bancários de São Paulo conseguiu com que, só neste mês, mais de 5 mil trabalhadores doassem suas bonificações para a compra de alimentos, para contribuir por meio do site Bancários Solidários que disponibiliza link para a compra online de uma cesta básica de alimentos

RBA – Em iniciativa do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, trabalhadores da categoria doaram neste mês 3.463 cestas básicas para o Natal de famílias em situação de vulnerabilidade social. Além disso, os bancários conseguiram arrecadar, por meio de caixas de coletas nos locais de trabalho, 2.673 quilos de alimentos para populações locais em insegurança alimentar.

A iniciativa faz parte da campanha Bancário Solidário, que teve início logo no primeiro mês da pandemia de covid-19, em março de 2020. Somente neste mês, mais de 5 mil trabalhadores da categoria doaram suas bonificações para a compra de alimentos a quem mais precisa. O objetivo da campanha agora, que segue aberta para contribuições, para ampliar o número de pessoas atendidas.

É possível contribuir por meio da página Bancários Solidários, onde se pode comprar on-line cestas básicas de alimentos para doação. Também é possível contribuir via PIX para o projeto Rede Rua, que atualmente distribui cerca de 1.100 marmitas por dia para pessoas em situação de rua no centro da capital paulista.

A campanha também recebe doações de apoio ao trabalho do padre Júlio Lancellotti, que acolhe cidadãos sem-teto, também em São Paulo. Na Quadra dos Bancários, na região da Sé, há ainda um posto de coleta de alimentos e roupas, entre outros itens.

Ação diante da omissão do governo

A presidenta do Sindicato dos Bancários, Ivone Silva, destaca que esse é um momento de solidariedade e união para salvar vidas. “Em meio à pandemia do coronavírus, o número de pessoas que vivem abaixo da linha da pobreza triplicou. Ela já atinge cerca de 12% da população brasileira. Voltamos ao mapa da fome com o agravamento da crise sanitária, a alta do desemprego e a disparada dos preços dos alimentos, que aumentam mais do que a inflação. Estamos mobilizados contra a falta de políticas públicas de um governo irresponsável, que tem agravado uma crise política e econômica que prejudica principalmente os mais pobres”, lamenta a dirigente.

Além de um espaço de produção e distribuição de refeições às pessoas em situação de rua, na Quadra dos Bancários também foi instalado um ponto de acesso a água potável e sabão para uso pela população do entorno. A ideia, além de matar a sede, é contribuir e estimular a higienização pessoal e os cuidados com a saúde.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: