Alexandre de Moraes decretará novas prisões de aliados de Bolsonaro

A informação é do colunista Guilherme Amado, os alvos devem ser relacionados aos inquéritos das fake news e das milícias digitais que estão sendo investigadas no STF

Com Metrópoles

Segundo informações do colunista Guilherme Amado do site Metrópoles, as prisões são  consideradas importantes para conter os alvos nos inquéritos dos atos antidemocráticos, das fake news e das milícias em situação de controle, No momento, as investigações tiveram um papel muito importante para frear os ataques ao tribunal e a constituição.

Na quinta – feira, Alexandre de Moraes decretou ordem de prisão para o blogueiro bolsonarista Alan dos Santos, que atualmente está nos EUA morando irregularmente, pois seu visto está vencido. Ele é é investigado no STF em dois inquéritos: o que apura a divulgação de fake news e ataques a integrantes da Corte. Segundo a PF,  ele também  tem atuação em milícia digital que trabalha contra a democracia e as instituições no país.

O ministro ordenou ainda que a Polícia Federal inclua o mandado de prisão na lista da Difusão Vermelha da Interpol, para garantir que Santos seja capturado e retorne ao Brasil. Também foi acionada a embaixada dos Estados Unidos. O extremista afirmou que usará todos os seus direitos nos EUA e se definiu como “imigrante”.

A ordem de prisão é de 5 de outubro, mas se tornou pública nesta quinta-feira 21, na ocasião, os filhos de Bolsonaro e ele próprio se calou diante do fato, se estenderam então a usarem as redes para falar de outros casos como por exemplo o Carlos Bolsonaro que usou às redes para criticar um projeto para homenagear Paulo Freire. Jair e Flávio exaltaram uma proposta que proíbe que órgãos públicos sacrifiquem animais saudáveis. Já Eduardo Bolsonaro usou falou as redes para criticar Lula e Cristina Kirchner.

O blogueiro é uma das 66 pessoas que tiveram o pedido de indiciamento incluído no relatório final da CPI, apresentado na última terça-feira. Ele foi enquadrado no artigo 286 do Código Penal, acusado de incitação ao crime por disseminação de fake news. A medida foi elogiada pelo relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL) que publicou em uma rede social mensagem de apoio à decisão.

Capa do Uol

Com informações do Metrópoles

2 respostas para “Alexandre de Moraes decretará novas prisões de aliados de Bolsonaro”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: