Propostas para reduzir poder de presidente da Câmara estão empacadas

Sem apoio para chegar ao plenário, pelo menos oito projetos de lei sobre o tema estão em discussão desde 2015, um deles já foi arquivado e outros serão até esquecidos enquanto o poder de um presidente da Câmara Federal for quase que absoluto. Como esquecer de Eduardo Cunha que sugou poderes ao máximo, até quando se sentiu rejeitado, colocando assim em pratica sua vingança, criou o golpe de 2016 contra a primeira e única presidenta mulher do Brasil e deu no caos que o país vive até hoje.

Com GGN

Propostas parlamentares para reduzir o poder detido pelo presidente da Câmara em torno de pedidos de impeachment presidencial estão em discussão há anos, mas sem apoio suficiente para avançar a plenário.

Levantamento elaborado pelo jornal Folha de São Paulo indica que, desde 2015, pelo menos oito projetos em torno desse objetivo estavam em discussão – uma das propostas, que fixava em 15 dias o prazo que o presidente da Câmara teria para despachar pedidos de impeachment, foi arquivada, enquanto as demais seguem em debate em comissões da Câmara, mas sem muitas perspectivas de avanço para o plenário.

Até o momento, 125 pedidos de impeachment elaborados por cidadãos e a sociedade civil já foram enviados. Até o momento, seis foram arquivados e o restante segue sem definição já que o atual presidente da Câmara, Arthur Lira (PP), não tem interesse em encaminhá-los.

A justificativa de Lira – principal aliado de Bolsonaro no Congresso, além de ser um dos líderes do centrão – é a falta de condições para o impeachment, devido à falta de apoio na sociedade e no plenário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s