Defesa quer R$ 50 mil de empresário que ameaçou Lula com arma em vídeo

Advogados alegam que indenização por danos morais deve ter efeitos pedagógicos

Por Julinho Bittencourt

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmam que José Sabatini, o empresário que o ameaçou em vídeo com arma de fogo, deve pagar R$ 50 mil referentes a danos morais para efeitos pedagógicos.

De acordo com os advogados, só uma indenização significativa pode reprimir atitudes semelhantes às do empresário de Artur Nogueira (SP).

Em vídeo divulgado em março, com camisa e bandeira do Brasil e uma arma em punho, Sabatini usa fake news sobre “roubo de R$ 84 milhões” do Fundo de Amparo do Trabalhador (FAT) para ameaçar Lula.

“Não tenta transformar o meu país numa Venezuela. Eu vou derramar meu sangue, mas vou lutar por meu país. Está entendendo o recado? A minha parte eu vou fazer. […] Você vai ter problema, hein cara”, diz Sabatini, mostrando o armamento.

Agressão à mulher

O empresário foi acusado de agressão por sua ex-esposa. O caso teria ocorrido em 2010 e ele foi investigado pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP) no âmbito da Lei Maria da Penha. A promotoria, no entanto, arquivou o inquérito seis meses depois alegando “versões contraditórias entre as partes”, mesmo com um laudo do Instituto Médico Legal (IML) comprovando que a mulher foi agredida.

Com informações do Painel da Folha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s